Não importa se você já é uma pessoa viajada. Incluir crianças no roteiro é uma experiência muito distinta da sua viagem de casal, de mochileiro ou de viajar sozinho. Por isso, neste post vamos falar sobre como planejar uma viagem em família em 2021.

Algumas dúvidas que podem surgir são, por exemplo, como tirar passaporte ou que atividades programar para entreter as crianças. Ou, ainda, como não comprometer o orçamento familiar.

Para não cometer erros ou ser surpreendido com imprevistos, continue lendo as informações seguintes!

Passo a passo de como planejar uma viagem em família

Para planejar uma viagem em família, você precisa se organizar com antecedência. Isso pode ser feito por meio de um roteiro de viagem e escolhendo opções de entretenimento para crianças.

Além, claro, de comprar passagens aéreas antecipadamente para economizar. Outras questões a considerar são a documentação e o orçamento. Então, confira abaixo as 7 dicas!

1. Anote tudo em uma planilha ou em um caderninho

A primeira etapa de um planejamento é ter um registro do que precisa ser feito. Desse modo, você consegue se organizar melhor.

Essas anotações devem incluir o planejamento financeiro, a quantidade de dias que pretende ficar fora, quanto vai gastar por dia, que lugares pretende conhecer…

Inclusive, nas etapas de como planejar uma viagem em família em 2021, você deve verificar até mesmo se precisará comprar roupas específicas. Dependendo do local em que esteja pensando ir, pode ser que seu guarda-roupa não esteja bem equipado.

Toda viagem deve ser bem planejado, evitando imprevisto.

Se você vai visitar algum lugar com neve, seus filhos já têm roupas apropriadas? Se vai para um lugar com opções de mergulho, será necessário comprar algum equipamento ou compensa mais alugá-los?

Há pessoas que planejam até mesmo a playlist para ouvir durante a viagem. Enfim, registre tudo o que vale a pena ter anotado para você não se perder nem se estressar.

Ou para não ficar com a sensação de que há muitas coisas para planejar e de que você está se esquecendo de algo.

É bom fazer esse registro com alguns meses de antecedência. Quanto antes, melhor. Assim, você terá mais tempo para pensar com calma. E poderá aproveitar preços mais em conta de bilhetes aéreos, hospedagens e pacotes turísticos.

Decida se a viagem será em um feriado ou se será em alta ou baixa temporada. Também veja se o destino será nacional ou internacional.

Cada escolha exige um tipo de planejamento diferente. Se você for viajar para São Paulo, terá preocupações diferentes de quem vai para ilhas do Caribe.

Caso haja necessidade de fazer mudanças de como planejar uma viagem em família em 2021 ao longo das semanas, você terá maior flexibilidade. E poderá adaptar os seus afazeres da maneira mais conveniente.

2. Escolha um destino favorável a todos

Caso o destino da viagem não esteja decidido, pesquise lugares que tenham alternativas de lazer para diferentes idades. O objetivo disso é não deixar as crianças nem adultos entediados.

Se a viagem será no Brasil mesmo, o que não faltam são opções como praias, cachoeiras ou locais mais frios.

Há muitos destinos turísticos com variedade de passeios de barcos ou locais com parques aquáticos, que os pequenos adoram.

Escolher destinos que toda sua família goste. O objetivo disso é não deixar as crianças nem adultos entediados.

Se a viagem for internacional, você encontra boas opções na América do Sul. Em Ushuaia, por exemplo, o seu filho pode pilotar um trenó de cachorros na neve.

A cidade fica na Argentina e lá é possível também ver pinguins. Vale lembrar que vocês podem separar um tempo para esquiar, o que agrada crianças, adolescentes e adultos.

Outra viagem internacional em que as crianças se divertem bastante é Orlando, por causa da Disney.

Leia também: As 10 praias mais bonitas do Brasil

3. Programe um roteiro de viagem

A terceira dica de como planejar uma viagem em família em 2021 é fazer um roteiro. Programar um roteiro de viagem é essencial para ter uma viagem inesquecível.

Você não se arrependerá depois por não ter visitado algum lugar ou não ter feito algo por falta de tempo, dinheiro ou planejamento.

Faça uma lista com opções de locais, restaurantes que gostaria de conhecer e atividades noturnas para fazer a dois e deixar os filhos no hotel. Por exemplo, bares ou a visita a um teatro ou ópera.

Isso se seus filhos já forem mais crescidinhos e puderem se distrair no hotel sozinhos sem maiores problemas.

Veja como será a locomoção, se será necessário alugar um carro ou se deslocar por Uber. Verifique também que hotel vale a pena escolher, considerando custo-benefício, localização e conforto.

O roteiro é um guia para o seu orçamento, mas o inverso também é valido. O orçamento deve guiar o roteiro.

4. Tenha um planejamento financeiro

O planejamento financeiro deve sempre estar presente na vida das famílias e para viagens não é diferente.

Ao saber exatamente quanto poderá gastar, você não passa por apertos nem se enterra em dívidas no cartão de crédito por causa de uma viagem.

Com as finanças na ponta do lápis, você também sabe exatamente quanto tem disponibilidade para economizar em sua tarefa de como planejar uma viagem em família em 2021.

Consequentemente, tem mais liberdade para escolher lugares para viajar com a família no Brasil ou no exterior.

Você saberá nos seus meses de planejamento financeiro se poderá ou não ter gastos com itens supérfluos, se precisará ou não deixar de comer toda semana em restaurante, entre outros fatores.

Esse planejamento pode ser feito até mesmo alguns anos antes da viagem. Se você decidir fazer uma aplicação no Tesouro Direto, por exemplo, pode resgatar o dinheiro para uma  viagem mais cara daqui a três anos.

Mas é claro que você pode se programar de outras formas também para o curto prazo. Há pessoas que usam o tradicional cofrinho para juntar moedas como um símbolo do propósito de economizar para viajar.

5. Estipule o orçamento para a viagem

Quando você define um orçamento para a viagem sabe quanto precisa economizar. Isso facilita bastante seu planejamento financeiro.

Você terá uma estimativa, depois de pesquisar preços, de quanto vai gastar com hotel, passagens, alimentação, deslocamento. E outros gastos como lazer, compras e lembrancinhas…

Faça um orçamento de quanto pretende gastar. Isso precisa ser feito para cada dia de viagem no destino.

Além de separar uma margem para gastos extras que não estavam previstos inicialmente, como uma reserva de emergência. Se alguém adoecer, por exemplo, poderá ser necessário ter gastos com remédios.

Nessa etapa de como planejar uma viagem em família em 2021, faça um orçamento de quanto pretende gastar. Isso precisa ser feito para cada dia de viagem no destino.

Veja se seu hotel ou pousada oferece café da manhã. Ou se terá que comprar comida no mercado caso alugue uma casa.

Verifique qual é o preço do aluguel de carro ou do deslocamento do Uber na cidade de destino. E também pesquise preços do transporte público, como metrô e ônibus, se estiver com um orçamento mais limitado.

6. Fique atento à documentação

Outro ponto relevante no planejamento para viajar com a família é preparar a documentação necessária.

Além do RG e do CPF, veja se está tudo em dia com a CNH, caso pense em contratar um serviço de aluguel de carro.

As crianças também precisam estar com a certidão de nascimento e a identidade para comprovação de parentesco.

O passaporte é outro item a verificar com antecedência nas etapas de como planejar uma viagem em família em 2021. Em caso de viagem internacional, ele  é obrigatório. Só não é obrigatório para viagens em países que fazem parte do Mercosul.

A emissão do passaporte é feita pela Polícia Federal e demora alguns dias até que esteja pronto.

Se o seu passaporte já venceu ou não foi renovado, regularize os procedimentos antes de comprar a passagem aérea.

Muitos países também exigem o visto, que é emitido por embaixadas ou consulados. Há diferentes tipos de visto, como o para permanecer temporariamente, que é de 90 dias para fins de turismo. Outros podem ser mais complexos, como o visto de trabalho.

Então, se for fazer uma viagem internacional em família, verifique se o país exige visto e agilize todo o processo.

Para saber como tirar visto americano, clique aqui.

Por fim, a vacinação também precisa estar em dia. É uma forma de vocês se protegerem contra doenças transmissíveis e alguns países exigem o certificado CIVP.

Ainda no tópico de como planejar uma viagem em família em 2021, para destinos nacionais é necessário tomar vacina para locais como florestas e matas.

7. Tenha um checklist de tudo o que precisa fazer

Durante o seu planejamento para a viagem, faça um checklist do que precisa fazer para não se esquecer de nada.

Dessa forma, você se sentirá menos sobrecarregado e poderá dividir as tarefas de acordo com o seu tempo.

O checklist é muito útil porque você terá uma sensação maior de controle sobre a situação. Uma viagem em família exige a organização de etapas e a memória pode falhar sem uma lista.

Você tem outras preocupações na rotina além da viagem, então sua atenção estará mais direcionada com um checklist.

É claro que há pessoas que conseguem guardar inúmeras informações na memória, mas isso pode causar também um certo estresse.

Então, faça sua lista e vá riscando a cada dia o que já cumpriu. Para fazer o checklist, basta escrever os itens em um documento do Word ou em uma planilha do Excel o que precisa ser verificado.

Escrever em uma folha de papel também pode ser útil. Ela estará mais visível na sua organização de como planejar uma viagem em família em 2021.

Você pode utilizar também o site Trello, criar um quadro de “Checklist para viagem em família” e anotar tudo lá. A desvantagem é que você teria que abrir o site com certa frequência. Se você não tem esse hábito, talvez escrever no papel seja mais útil.

Defina um dia específico para a verificação dos itens e fique tranquilo com o planejamento. Afinal, uma viagem em família deve ser um motivo de bem-estar e não de preocupações excessivas.

Seguindo esses passos, sua viagem será bem mais tranquila e com menores possibilidades de contratempos.

Espero que as informações tenham sido úteis! Deixe abaixo seu comentário!

Se você teve algum problema com viagens aéreas nos últimos cinco anos, entre em contato com a Liberfly para conseguir uma indenização!