Ter o nome negativado indevidamente é uma situação que pode trazer diversas consequências e dores de cabeça.

Você pode ficar impedido de abrir contas em outros bancos ou até mesmo de conseguir visto para visitar outros países, só para dar uma ideia.

Por esse motivo, hoje a LiberFly vai trazer um texto sobre o que fazer quando o nome é negativado indevidamente e as principais causas desse tipo de problema. Boa leitura!

Nome negativado indevidamente: O que é isso?

Quando uma pessoa está com o nome negativado, isso significa que a pessoa está inadimplente ou, em outras palavras, com o famoso “nome sujo”.

Na prática, o nome negativado quer dizer que o consumidor não pagou uma determinada dívida e, por conta disso, seu nome foi incluído no cadastro dos órgãos de proteção de crédito, como o Serasa e o SPC.

Qualquer empresa pode incluir o nome de um consumidor devedor nos órgãos de proteção ao crédito caso exista alguma dívida em aberto.

Esse tipo de situação ocorre, principalmente, em questões relacionadas a empréstimos financeiros, dívidas de água, telefone e energia, cheques sem fundo, cartões de crédito e outros.

Quando uma situação como essa acontece, a pessoa perde diversas opções de crédito no mercado, sendo impedidas de abrir uma conta em banco, adquirir cartões de crédito, solicitar empréstimos, fazer compras no crediário, financiar bens, participar de consórcios, assinar contatos com prestadores de serviços e até mesmo obter visto de entrada em alguns países.

Entretanto, pode acontecer de uma pessoa ter o nome negativado indevidamente. Essa situação acontece com contas já pagas, com serviços não contratados ou cancelados e outras situações.

Vamos explicar cada uma delas nos tópicos a seguir.

Quando a negativação é indevida?

Na maior parte das vezes, o nome negativado indevidamente acontece por conta de algum erro na própria empresa que fez a inscrição indevida do nome do consumidor em algum órgão de proteção ao crédito.

Entretanto, existem vários outros motivos que podem levar a esse problema. Por isso, é muito importante que você se mantenha atento e informado para identificar e sanar esse tipo de erro, pois, como vimos, um nome negativado pode te impedir de fazer várias coisas.

Confira a seguir algumas das principais razões pelas quais as pessoas ficam com o nome negativado indevidamente:

Conta que você já pagou

Em vários casos, as empresas podem se esquecer de dar baixa em contas já pagas pelo consumidor e continuar fazendo cobranças.

Nesses casos, o erro pode persistir fazendo com que as instituições façam a inscrição indevida do nome do consumidor nos órgãos de proteção ao crédito.

Uma forma de evitar esse tipo de problema é sempre solicitando que a empresa dê baixa quando você estiver quitando uma dívida.

Outra dica importante é que você guarde todos os comprovantes de pagamento, pois pode ser que você precise desses documentos no futuro. Em todo caso, siga o ditado: melhor prevenir do que remediar.

Serviços cancelados

Outra situação que pode causar o nome negativado indevidamente é por conta de um serviço que foi contratado, mas que tenha sido cancelado.

No caso de contratos de serviços cancelados, a instituição pode negativar o nome de uma pessoa caso a empresa contratada não cancele, de fato, o contrato.

Por isso, uma forma de evitar esse tipo de situação é sempre ficar atento às cobranças que estão sendo feitas na sua conta.

Se você perceber que uma empresa continua te cobrando mesmo após o cancelamento do contrato, é fundamental que você contate a empresa e exija que as cobranças parem.

Serviços que não foram contratados

Por fim, uma das situações mais comuns para nome negativado indevidamente é quando há cobrança em cima de serviços ou produtos que não foram contratados ou comprados.

Esse tipo de problema normalmente acontece em situações em que as pessoas são vítimas de golpes e não sabem que o nome foi cadastrado nos serviços de proteção de crédito.

Portanto, a melhor forma de evitar que esse tipo de problema aconteça com você é ficar de olho nas faturas do seu cartão de crédito a procura de itens ou pagamentos que não fazem sentido ou que você não tenha feito.

Clonagem de cartão, roubo de número e outros golpes podem fazer com que você entre na lista de instituições de proteção ao crédito indevidamente.

O lado bom é que, nesses casos, também é possível reverter a situação através de iniciativas como a LiberFly.

O que pode acontecer quando você está com o nome negativado indevidamente?

Ter o nome negativado indevidamente pode trazer muitas dores de cabeça para quem está passando por esse problema.

Só para você ter uma ideia, quando uma pessoa se encontra com o nome negativado, as seguintes situações podem acontecer:

  • Perder diversas opções de crédito no mercado;
  • Ficar impedida de abrir uma conta em banco;
  • Ficar impedida de solicitar empréstimos - ou então terá de pagar taxas de juros muito mais altas por conta do endividamento;
  • Ficar impedida de fazer compras no crediário;
  • Ficar impedida de financiar bens, sejam eles móveis ou imóveis;
  • Ficar impedida de de assinar contratos com prestadores de serviços;
  • Obter vistos de entrada em alguns países.

Ou seja, ter o nome negativado indevidamente pode trazer muitas dores de cabeça e, por esse motivo, é sempre importante checar se o seu nome não se encontra em nenhuma lista como o SPC ou o Serasa.

Nome negativado indevidamente: Descubra se o seu nome está negativado

Agora que você já sabe os principais motivos para ter o nome negativado indevidamente e as principais consequências, vamos te ensinar como consultar se o seu nome está negativado em algum dos principais órgãos de proteção de crédito. Confira:

Descobrir nome sujo no SERASA

Para saber se o seu nome está sujo no Serasa, basta consultar o seu CPF acessando o site da Serasa Experian.

Para isso, você vai precisar fazer um login ou então criar uma conta. Basta entrar na página inicial do Serasa e seguir o seguinte passo a passo:

  • Clique na opção “Meu CPF”;
  • Em seguida, clique na opção “Dívidas Negativadas”

Com isso, as informações a respeito do seu nome já vão aparecer, incluindo todas as dívidas negativadas inscritas no seu CPF.

Caso você não reconheça nenhuma delas ou considere alguma delas injusta, você pode (e deve) ir atrás dos seus direitos.

Consultor nome negativa no Boa Vista SCPC

Outro órgão de proteção de crédito é o SCPC. Ele também possui uma consulta semelhante, sendo que é preciso somente fazer login ou criar uma conta.

Para isso, basta clicar na seção “Dúvidas” e verificar todas as dívidas negativadas no seu CPF.

O que fazer quando o nome é negativado indevidamente?

Se o seu nome foi negativado indevidamente, é possível ir atrás dos seus direitos, especialmente contando com a ajuda de iniciativas como a LiberFly.

De maneira geral, se essa situação aconteceu com você, além de exigir que o seu nome seja limpo imediatamente, também é possível pedir uma indenização por danos morais.

O primeiro passo é se certificar de que a negativação realmente aconteceu de maneira indevida e identificar a empresa responsável por fazer a inscrição do seu nome em um órgão de proteção ao crédito.

Para isso, basta fazer as consultas online com o seu CPF, como mostramos nos tópicos anteriores.

Saber qual é a empresa responsável por negativar o seu nome é primordial, pois só assim será possível contatar a organização para tentar entender o que motivou o equívoco.

Em um segundo momento, também é importante que você reúna todas as provas de que a dívida é indevida ou que ela já está paga.

É possível fazer esse tipo de prova por meio de qualquer comprovante de pagamento, por isso, sempre guarde esses documentos com você.

Caso o seu nome tenha sido negativado indevidamente por conta de um golpe ou fraude, é de responsabilidade da empresa provar o que aconteceu.

Entretanto, de maneira geral, podemos dizer que existem duas abordagens que você pode tomar nesse e em outras situações similares: ou tomar ações extrajudiciais ou judiciais.

Entenda a diferença entre cada uma delas nos tópicos a seguir:

Tomar ações extrajudicialmente

Caso você resolva não mover uma ação contra a empresa responsável por negativar o seu nome indevidamente, então isso significa que você quer resolver o problema de maneira extrajudicial.

Por esse motivo, a melhor abordagem a se tomar é procurar a empresa responsável pela inscrição do seu nome em órgãos de proteção de crédito e informar sobre o acontecido.

Caso a empresa não resolva o problema, é possível ir até o PROCON da sua cidade e realizar um requerimento justificando que a dívida não é sua e que a desconhece ou que era sua, mas que você já a pagou.

Além disso, o PROCON deve ser informado de que o seu nome foi negativado indevidamente e que a empresa já está a par da situação e não fez nada a respeito.

Também é importante que você informa a data da negativação e que continua recebendo cobranças de uma dívida indevida.

Em situações mais extremas, em que o problema não se resolva, pode ser necessário entrar com um ação em juízo, ou seja, tomar ações judicialmente, o que veremos no tópico abaixo.

Tomar ações judicialmente

Uma opção para quem tentou de tudo para resolver esse problema extrajudicialmente é entrar com uma ação judicial.

Nesses casos, será necessário realizar uma petição inicial com o seu advogado. Se o valor da causa for acima de 20 salários mínimos, você vai precisar de um advogado.

Já para causas de até 40 salários mínimos, você poderá ajuizar uma ação no Juizado Especial Cível, e causas que estiverem acima de 40 salários mínimos devem iniciar uma ação na Justiça Comum.

Nesse tipo de caso, é fundamental que você tenha em mãos todos os documentos que comprovam que a dívida é indevida, além dos documentos em que constam que o seu CPF está negativado, a data de negativação e os danos que a empresa causou.

Nessa petição, será solicitado ao juiz que declare a inexistência do débito e, também, em tutela antecipada de urgência, que o nome seja retirado dos órgãos de proteção ao crédito.

Trata-se de um processo bem mais burocrático, pois você estará lidando com a justiça comum, e ela tende a demorar bastante.

Entretanto, com a ajuda de iniciativas como a LiberFly, é possível receber uma indenização antecipada e tirar o seu nome das listas dos órgãos de proteção de crédito de uma maneira rápida, segura e eficiente, como veremos no tópico a seguir.

Como a Liberfly te ajuda em caso de nome negativado?

A LiberFly é um lawtech especializada no adiantamento de ativos judiciais, ou seja, nós compramos o seu caso e assumimos todos os riscos envolvidos. Para isso, basta que você conte para gente o que foi que aconteceu em detalhes.

Nosso time de especialistas vai analisar o seu caso em até 48 horas úteis e te daremos a informação de se é possível ou não seguir com uma ação judicial contra a empresa que negativou o seu nome indevidamente.

A principal vantagem de utilizar esse tipo de solução é que você não vai precisar lidar com toda a burocracia do sistema judicial brasileiro e vai ter a sua indenização de maneira antecipada caso a nossa equipe decida adotar o seu caso.

Conclusão

Como vimos, existem várias razões para o nome negativado indevidamente.

Uma delas é o caso de contas que já foram pagas, mas que, por um erro dentro do sistema, continuam sendo cobradas, fazendo com que o seu nome entre em alguma lista de órgãos de proteção ao crédito, como o SPC, SCPC e Serasa.

Outra causa muito comum para esse tipo de problema são serviços que foram cancelados, mas que continuam sendo cobrados ou serviços que nem sequer foram contratados.

Em ambos os casos, é possível tentar resolver o problema extrajudicialmente, conversando com a empresa responsável por negativar o seu nome.

Entretanto, nem sempre é possível chegar a uma solução pacífica e é nesses casos que você pode contar com a ajuda de soluções inteligentes como a LiberFly.

Por isso, mande o seu caso para a gente. Vamos analisar e te daremos uma resposta em até 48 horas! Muito obrigado pela leitura.